11 outubro, 2009

Fundos de previdência de servidores terão mais opções de planos

24/09/2009 às 15h25 - Da Agência Estado - http://noticias.r7.com/economia/noticias/fundos-de-previdencia-de-servidores-terao-mais-opcoes-de-planos-20090924.html

Juntos, fundos têm poupança de mais de R$ 40 bilhões

O CMN (Conselho Monetário Nacional) ampliou as opções de investimentos dos regimes próprios de previdência de servidores dos Estados e municípios. Segundo o secretário de Previdência Social, Helmut Schwarzer, mais de 1 mil municípios e 22 Estados operam regimes próprios de previdência por capitalização.

Juntos, esses regimes têm um poupança de mais de R$ 40 bilhões, de acordo com dados referentes a 30 de junho de 2009.

Helmut explicou que os fundos de previdência não estão conseguindo a rentabilidade atuarial necessária com a redução da taxa de juros e as modificações no mercado financeiro e de capitais. Por isso, informou, solicitaram a ampliação do leque de opções de investimentos.

O secretário disse que hoje 80% do patrimônio do regime de previdência podem ser aplicados em cotas de fundos de títulos referenciados.

O CMN autorizou que, dentro deste limite, 30% do patrimônio possam ser aplicados em títulos privados. O CMN manteve a autorização para que até 100% do patrimônio sejam investidos em títulos do Tesouro Nacional e que até 80% sejam aplicados em cotas de investimentos previdenciários classificados como renda fixa.

Também foi mantido o porcentual máximo de 20% para aplicação em poupança.

Outra alteração aprovada pelo CMN foi a possibilidade de investir em condomínios fechados cinco pontos porcentuais do limite de até 15% que podem ser aplicados em cotas de fundos de investimentos em direitos creditórios.

Helmut explicou que, pela regra anterior, o porcentual de 15% se aplicava apenas para fundos FIC em condomínio aberto. Ou seja, que são transacionáveis no mercado financeiro.

A permissão para aplicar parte do limite em condomínio fechado, segundo o secretário, visa garantir maior rentabilidade aos regimes próprios de previdência que poderão, já na subscrição do fundo, ser um dos compradores iniciais.

0 comentários:

Assuntos Pesquisados

Previdência Complementar (60) Educação (36) Consumidor (27) Longevidade (27) Previdência Social (27) noticias_previdenciasocial (27) Orientação para Consumidores de Produtos Previdenciários ou Serviços de Saúde (23) EAPC (17) Educação Financeira (17) noticias_efpc (16) Mercado Segurador (15) Opinião (14) Projeto de Pesquisa (12) Investimentos (11) Tecnologia (11) noticias_saude (11) Metodologia Científica e Técnicas de Pesquisa (10) Projeto de Monografia em Atuária (10) Sistemas de Saúde (10) dicas (9) noticias_atuario (9) Mercado de Trabalho (8) Remuneração do Atuário (8) Arquitetura de Planos de Benefícios Previdenciários (7) Orientação de Monografias (7) Previdência Social de Outros Países (7) noticias_economia (7) Previdência Complementar do Servidor Público (6) Saúde (6) Força da Natureza (5) Artigos relacionados à Atuária (4) FundamentosAtuaria_TextosAdic (4) Funpresp (4) Notícias sobre Investimentos (4) Premissas Atuariais (4) Metodologia Cientifica (3) O Atuário (3) Orientação para Consumidores de Produtos Previdenciários (3) Pesquisa (3) fator previdenciário (3) linguagem (3) matematica atuarial (3) Atuário (2) Cursos de Ciências Atuariais - notícias (2) Equilíbrio Emocional na Aposentadoria (2) Modelos de Sobrevivencia e Tecnicas de Graduacao (2) Previdencia Social e Complementar (2) Previdência Complementar Fechada (2) Softwares (2) Tipos de Conhecimento (2) noticias_assistenciasocial (2) ALM (1) Acordos Previdenciários (1) Bom humor (1) Gestão de Riscos (1) IBA (1) Legislaçao Previdenciária (1) Migração de Planos de Benefícios (1) Orientação para Consumidores de Serviços de Saúde (1) Premiações para Alunos de Atuária (1) Previdência Complementar Aberta (1) Previdência Social e Complementar - Apoio (1) Regulação da Profissão de Atuário (1) Resseguros (1) Saúde Pública (1) Visão crítica da Previdência (1) auxílio-doença (1)